´
conheça nossos produtos

Tudo sobre segurança do trabalho na construção civil

Um dos principais pontos de atenção na construção civil é a segurança do trabalho. O setor é um dos que mais sofrem com acidentes, pois é o quinto em número totais de ocorrências e o segundo em fatalidades, sendo responsável por 16% das mortes de trabalhadores no Brasil, segundo dados do Anuário Estatístico da Previdência Social.

Para diminuir estes riscos e evitar que o problema continue neste estado preocupante, é essencial que medidas de segurança façam parte da rotina de quem trabalha e de quem gerencia os canteiros de obra. Com o objetivo de contribuir para essa melhoria nas condições de segurança, preparamos este post com mais dicas e informações para a prevenção de acidentes na construção civil.

Principais causas de acidentes

Muitos dos acidentes que ocorrem em um canteiro de obras poderiam ser evitados se as normas de segurança do trabalho na construção civil fossem seguidas. Mas, infelizmente, ainda há muita negligência em diversos aspectos do trabalho, o que coloca a segurança e vida dos trabalhadores em risco. A seguir, veremos quais são as principais causas de acidentes na construção civil.

Quedas de trabalhadores e materiais

Um dos tipos de acidente mais comum são as quedas de nível. Toda obra que demanda o trabalho em altura exige muita atenção e cuidado por parte dos operários, pois qualquer erro ou desatenção pode trazer graves consequências, como a queda de funcionários de um nível para outro e também a queda materiais, que podem causar graves lesões aos trabalhadores.

Desorganização e falta de sinalização

Um canteiro de obras é um ambiente que apresenta muitos riscos, por isso precisa estar bem organizado para diminuir a possibilidade de que acidentes ocorram. Isso significa que todos as ferramentas e equipamentos utilizados na obra devem estar guardados em local apropriado, assim como o canteiro também deve dispor de sinalização adequada informando sobre riscos e pontos de atenção.

Falhas no uso de ferramentas e equipamentos

Trabalhadores da construção civil lidam constantemente com diversas ferramentas que podem causar lesões graves. Por este motivo, é muito importante que todos os operários recebam treinamento e instruções adequadas para o uso de cada equipamento, além de material de proteção.

Choques elétricos

Como dito acima, uma obra envolve o uso de diversos equipamentos e muitos deles precisam de eletricidade para serem utilizados. Se o equipamento não estiver em condições ideais de uso, ele pode causar choques elétricos e colocar a saúde do operário em risco. Há ainda o problema de fiações e instalações elétricas desprotegidas que também podem ocasionar graves acidentes.

Doenças de pele

Dermatoses e alergias podem ser causadas pelo manuseio de materiais como cimento, cal, argamassa e outros produtos sem a devida proteção. Estes problemas são causados pelos agentes químicos presentes nestes materiais de obra e podem causar sérios problemas de saúde nos trabalhadores.

Negligência

Quase todas as causas apontadas acima podem ser evitadas desde que sejam cumpridas as normas de segurança do trabalho na construção civil, contudo muitas vezes essas normas não são respeitadas. Seja para baratear os custos da obra, seja por falta de informação ou mesmo conscientização, essa falta de atenção com a segurança traz inúmeros problemas e pode resultar em acidentes graves e fatalidades, contribuindo para os números alarmantes que mencionamos no início deste post.

segurança do trabalho na construção civil 02

Medidas de segurança do trabalho

Existem regras que devem ser seguidas para garantir a segurança do trabalhador da construção civil e que podem ajudar a reduzir drasticamente o número de acidentes e mortes ocorridos no ambiente de trabalho.

O Programa de Condições e Meio Ambiente de Trabalho na Indústria da Construção (PCMAT), estabelecido pela ABNT NR 18, é um conjunto de medidas que devem ser tomadas para assegurar que o local de trabalho tenha as condições necessárias para que os operários possam desempenhar suas atividades com segurança. Todas as obras com 20 trabalhadores ou mais devem cumprir as diretrizes estabelecidas pelo PCMAT e devem também providenciar o ART PCMAT (Anotação de Responsabilidade Técnica PCMAT), documento que deve assinado por um profissional com registro no sistema Crea/Confea.

As obras na construção civil também devem contar com o Serviço Especializado em Engenharia de Segurança e Medicina do Trabalho (SESMT), que é composto por uma equipe de profissionais como médicos, enfermeiros e técnicos de enfermagem do trabalho e também engenheiros e técnicos de segurança do trabalho. O SESMT tem a função de promover a saúde e proteger a integridade física dos operários no ambiente de trabalho.

Existe ainda a Comissão Interna de Prevenção de Acidentes (CIPA), que busca prevenir acidentes e doenças decorrentes do trabalho. Diferentemente do SESMT, a CIPA não é formada por especialistas em saúde e segurança do trabalho, mas sim por representantes dos trabalhadores e do empregador e sua principal tarefa é identificar riscos no local e execução do trabalho, além de realizar treinamentos para a prevenção e resposta a acidentes.

Além das comissões e serviços apresentados acima, existem ainda outros cuidados que devem ser tomados para garantir a segurança dos trabalhadores. Dentre esses cuidados, podemos apontar a necessidade se providenciar e utilizar Equipamentos de Proteção Individual (EPI), como óculos de segurança, protetores de ouvido, máscara, luvas, calçados de segurança e cinto de segurança tipo paraquedista para trabalho em altura. O canteiro de obras também deve conter Equipamentos de Proteção de Coletiva (EPC), como tapumes, plataformas, extintores de incêndio, chuveiros lava-olhos, cones, cavaletes e outros itens para sinalização.

Para diminuir ainda mais o risco de acidentes, também deve-se procurar utilizar bons equipamentos que aumentam a segurança dos trabalhadores nas obras. Para isso, é preciso dar preferência a produtos que sejam fabricados de acordo com as normas de segurança vigentes, como equipamentos para elevação de cargas e equipamentos para trabalho em fachadas que possuam sistema de prevenção de acidentes, o que aumenta a proteção à saúde e integridade física de todos no canteiro de obras.

Se todas as regras existentes sobre segurança do trabalho na construção civil estiverem sendo seguidas, haverá uma queda considerável no risco de acidentes de trabalhadores em canteiros de obras, o que é vantajoso para todos os operários e empregadores. Para saber mais sobre este tema, acesse o material Guia de Normas Regulamentadoras para a Construção Civil!

conheça nossos produtos

Olá! Clique abaixo e converse conosco pelo WhatsApp.

Fale conosco pelo WhatsApp